06/03/2012

Criança desaparecida na BA é achada morta na cisterna da casa da amiga


A garota de 8 anos, filha de um vereador da cidade de Lapão, a 480 km de Salvador, que estava desaparecida desde sexta-feira (2) foi achada morta nesta segunda (5).
Segundo informações do prefeito do município, Hermenilson Carvalho, primo da vítima, a criança estava em um saco plástico e foi jogada dentro da cisterna da casa da vizinha, onde morava sua amiga.
De acordo com a família da menina, ela saiu da escola onde estudava, no povoado de Rodagem, e foi para a casa da vizinha. Desde então, ela não foi mais vista. A polícia informou que a vizinha está detida desde domingo (4), porque ela foi a última pessoa a estar com a criança. De acordo com o prefeito, a mulher dava apoio moral para a família durante as buscas e não tinha confessado a autoria do crime até o final da tarde desta segunda-feira. O delegado responsável pelo caso está no local da morte.
O prefeito de Laje afirmou ainda que durante a investigação do caso, a polícia constatou que a amiga da vítima não é filha da mulher detida, conforme ela afirmava. A polícia teria dito, segundo Hermenilson, que a certidão de nascimento da garota é falsa.
A garota morta era a filha caçula do casal, que tem mais dois filhos adolescentes, sendo um garoto de 15 anos e outra jovem de 18 anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário