26/10/2012

Parentes de criança desaparecida recolhem material para exame de DNA

Ossada encontrada em canavial na semana passada pode ser de sibele Ferreira, de 8 anos

Exame tentará confirma se ossada é mesmo de Sibele

Na próxima segunda-feira (8), familiares da criança Sibele Ferreira dos Santos, de 8 anos de idade, deverão comparecer ao Instituto Médico Legal de Maceió para fornecer amostras de DNA. O material recolhido será utilizado para confrontar com a ossada encontrada no último dia 2 de outubro, em um canavial no município de Pilar.

A decisão foi tomada após exame de necropsia realizado pelo perito médico legal Jairo Macário, na unidade de Arapiraca, onde são realizados os exames em corpos de estado avançado de decomposição. Segundo o médico, foram poucos os subsídios encontrados necessários para a identificação da ossada humana.

Ainda segundo o diretor do IML de Maceió, Luiz Mansur, a identificação através do exame de DNA se fez necessário porque o corpo estava em estado final de composição, e o reconhecimento havia sido feito apenas por uma peça de roupa encontrada próximo ao corpo. Por conta disso, não se pode emitir um laudo que servirá para atestar o óbito da vítima.

No exame realizado hoje, o médico legista e sua equipe recolheram da ossada material genético suficiente para o exame de DNA. A família de Sibele Ferreira também já foi avisada sobre a importância do exame para a legalidade jurídica de confirmação da identidade do corpo e se comprometeram em comparecer ao IML para fornecer o material genético necessário para o exame.

Com o fornecimento do material genético por parte da família da suposta vitima, a direção do IML e da Perícia Oficial se compromete em trabalhar para que o exame seja realizado o mais rápido possível. Só com o resultado positivo através do exame de DNA, a identificação será confirmada e o corpo será automaticamente liberado para a família.


FONTEhttp://www.tribunahoje.com/noticia/41799/interior/2012/10/05/parentes-de-crianca-desaparecida-recolhem-material-para-exame-de-dna.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário